Vitaminas e Minerais

Mineral Cobre

23 de agosto de 2019 . por Catarinense Pharma

Alegações previstas para o cobre:

  • O cobre auxilia no funcionamento do sistema imune.
  • O cobre auxilia no metabolismo energético.
  • O cobre contribui para a pigmentação de cabelo e pele.
  • O cobre auxilia no transporte de ferro no organismo.
  • O cobre é um antioxidante que auxilia na proteção dos danos causados pelos radicais livres.
  • O cobre auxilia na manutenção dos tecidos conjuntivos.

O cobre é um metal de transição, seu estudo data de 1816, quando Bucholz constatou ser este um dos componentes dos tecidos vegetais e animais. A distribuição de cobre nos alimentos vai desde traços em leite e produtos lácteos, quantidades pequenas em óleos, ovos, vegetais, frutas e cereais, até os alimentos-fonte, leguminosas, nozes, carnes principalmente e frutos do mar.1

  O cobre exerce várias funções no organismo, entre elas auxilia no metabolismo energético, no funcionamento do sistema imune, na pigmentação de cabelo e pele, no transporte de ferro no organismo, na manutenção dos tecidos conjuntivos além de ser um antioxidante que auxilia na proteção dos danos causados pelos radicais livres.2

O cobre é integrante de uma série de importantes enzimas (cuproenzimas) tanto como cofator quanto como componente, algumas das quais são fundamentais às células. Nas reações onde ocorre transferência de elétrons entre átomos, chamadas reações de oxirredução, o cobre atua como intermediário dessa transferência. As enzimas que participam do metabolismo aeróbio, permitem a utilização do oxigênio como combustível para o fornecimento de energia à célula, e nesse contexto duas cuproenzimas são importantes: citocromo-c-oxidase e superóxido-dismutase.1

O cobre torna possível o uso do aminoácido tirosina, fazendo-o agir como fator de pigmentação do cabelo e pele.3 A conversão de tirosina tem atuação na síntese de melanina, que está presente nos melanócitos dos olhos e pele, sendo responsável pela cor destes e dos cabelos.1

É um mineral que atua na transformação do ferro do organismo em hemoglobina (proteína que compõe as células vermelhas do sangue). A ceruloplasmina é um enzima que possui seis átomos de cobre por molécula e tem papel importante na transferência do ferro a partir dos depósitos aos locais de síntese de hemoglobina. 1,3

O cobre é importante para o desenvolvimento e manutenção das estruturas esqueléticas, especificamente, auxilia na formação do colágeno, principalmente nos ossos e tecidos conjuntivos.4

O mineral também atua como antioxidante.4 A superóxido-dismutase localiza-se no citoplasma, contém dois átomos de cobre por molécula e auxilia na proteção dos componentes intracelulares em relação ao dano oxidativo.1

A deficiência de cobre está relacionada com sinais como a perda da cor do cabelo e da pele, e cansaço.4

Referências

  1. AMANCIO, O.M.S. Funções Plenamente Reconhecidas de Nutrientes: Cobre. Série de Publicações ILSI Brasil. São Paulo: Publicações ILSI-Brasil, 2011.
  2. Instrução Normativa nº 28 de 26 de julho de 2018.
  3. MINDELL, E. Vitaminas – Guia Prático das Propriedades e aplicações. Melhoramentos, 1996, p. 88-89.
  4. PASCHOAL, V., MARQUES, N., SANT’ANNA, V. Nutrição Clínica Funcional: Suplementação Nutricional. 1ª edição, São Paulo: VP Editora, 2013, p. 122-132.

Escrito por

Catarinense Pharma

Nosso Instagram